A “farsa” da ida do homem à Lua

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 8.2/10 (5 votes cast)

Acho que a maioria já ouviu falar dessa pretensa “farsa”, que alguns teimam em afirmar que seria a “verdade” sobre a viagem à Lua (como se tivesse sido uma só). Ainda assim, farei uma introdução, para garantir que todos saibam do que falo.

Introdução

As acusações de que nunca teríamos ido à Lua, quanto mais alunado (aterrissado na Lua) são uma das mais famosas teorias da conspiração. O que os propositores desta teoria alegam, basicamente, é que tudo (filmagens, transmissões de rádio, fotos, etc) teriam sido falsificado pela NASA com ajuda de outras organizações. Tudo teria sido feito em um estúdio e até mesmo as amostras de rochas lunares seriam falsas.

Estas acusações parecem (e realmente são) absurdas, mas muita gente acredita ainda hoje que jamais sequer orbitamos a Lua e que toda essa farsa teria sido criada para “enganar” a União Soviética, com o intuito de “vencer a guerra fria“.

De onde nasceu essa história?

A história vem de longe, conforme pode ser lido neste trecho tirado da Wikipedia:

O primeiro livro dedicado ao assunto, We Never Went to the Moon: America’s Thirty Billion Dollar Swindle (Nós nunca fomos à Lua: A Fraude Americana de 30 bilhões de dólares, numa tradução livre), publicado pelo autor, Bill Kaysing, em 1974, dois anos após as missões Apollo terem cessado.

(…)

Em seu livro A Man on the Moon (Um homem na Lua em tradução livre), publicado em 1994, Andrew Chaikin menciona que ao mesmo tempo em que a missão Apollo 8 orbitava a Lua, em dezembro de 1968, ideias conspiratórias parecidas já estavam em circulação.

Contudo essas ideias conspiratórias ficaram contidas a poucos nichos da população (religiosos e pessoas mais suscetiveis a teorias da conspiração), principalmente nos EUA. Isto até recentemente, quando mais pessoas tiveram acesso a esta teoria, através da democratização da internet.

Foi realmente uma farsa?

É óbvio que não. Temos inclusive fotos do lançamento do Saturno V, como podemos ver abaixo.

E esta é, ainda hoje, a máquina mais potente já criada pelo homem: tinha 160.000.000 hp (horse power, ou cavalos vapor, em português).

Mais informações sobre o Saturno V, do Wikipedia:

O Saturno V também chamado Foguete Lunar (Moon Rocket), foi o foguete usado nas missões Apollo e Skylab. Foi desenvolvido por Wernher von Braun no Marshall Space Flight Center em Huntsville, Alabama juntamente com Boeing, North American Aviation, Douglas Aircraft Company sob coordenação da IBM. Ele possui três andares (estágios), propelido pelos cinco poderosos motores F-1 do primeiro andar, mais os motores J-2 dos andares seguintes.

Os três andares do foguete, chamados S-IC (primeiro andar), S-II (segundo andar) e S-IVB (terceiro andar), usavam oxigênio líquido (lox) como oxidante. O primeiro andar usava RP-1 como combustível, enquanto os segundo e terceiro usavam hidrogênio líquido. Foi o maior e mais caro foguete do mundo a ser utilizado com sucesso. Seu último vôo lançou em órbita o labiratório espacial Skylab.

Só para que todos possam ter uma melhor ideia do tamanho da criança, vejam a imagem abaixo:

Além disso, a maior parte das alegações destes teóricos da conspiração são explicados facilmente por jogos de luz e sombra, o fato de não haver ar na Lua (portanto não haveria atrito para fazer com que as bandeiras parassem de se mover mais rapidamente) etc. A própria NASA já explicou (e refutou) cada um desses argumentos.

No programa Caçadores de Mitos, do Discovery Channel, estes argumentos foram testados e rebatidos com brilhantismo. Assista a esse episódio aqui: https://archive.org/details/Mcrost01-CaadoresDeMitosOMitoDaFarsaDaAterrissagemNaLua217

Querem mais evidências de que o homem realmente esteve na Lua? Tudo bem, listarei algumas abaixo.

Isso tudo sem falar da Apollo 13 e do apuro que seus astronautas passaram, para poder voltar à Terra. Já foi feito até mesmo um filme sobre este episódio. Afinal, se é pra fazer uma fraude, porque colocar um capítulo desastroso (por mais bem sucedido que tenha sido seu fim)?

Curiosidades sobre a missão Apollo

Ainda há algumas curiosidades sobre as missões do Projeto Apollo. Muitos não têm nem idéia, mas a NASA chegou a mandar um pequeno buggy para a Lua, para que facilitasse a locomoção dos astronautas por longas distâncias. Veja uma foto deste buggy abaixo.

Buggy Lunar da NASA

Lembram-se da foto da pegada de Neil Armstrong deixada na Lua, tirada na Apollo 11? Pois é, mas temos mais que isso. Alguns astronautas levaram itens pessoais para a Lua, como fotos da família. Veja abaixo uma foto tirada pelo astronauta Charles Duke, da Apollo 16, de uma foto de sua família no solo Lunar:

Só um detalhe: Charles Duke deixou esta foto lá, na Lua. 🙂

Por que essa história cresceu tanto?

Que eu saiba, só conheci uma pessoa que acreditava que o homem nunca havia ido à Lua. Acreditava, no passado, porque essa pessoa já é falecida. Mas essa pessoa era alguém simples, do povo mesmo. Era genial no que fazia (um pouco de marcenaria e era pedreiro), mas todo o que tinha era sua intuição e o que aprendeu na prática mesmo: nunca teve a chance de estudar. E sabemos muito bem como as igrejas atingem essas pessoas.

Pode ser difícil de acreditar, mas no interiorzão de nosso país, onde a educação chega mal e porcamente (quando chega), existem muitos que ainda acreditam que a Terra é plana, que o céu é “perfeito e imutável” e que, portanto, nunca poderíamos ter ido à Lua.

São pessoas assim, e até alguns poucos melhor informados (mas ainda manipulados pelas igrejas, portanto abertos para toda e qualquer teoria da conspiração), que acabam caindo nesse tipo de estória ao ter acesso à internet. Afinal, para os poderosos a coisa é assim: inclusão digital (e mais dinheiro pro comércio eletrônico) sim, inclusão educacional jamais (afinal, as pessoas acabariam ficando “espertas demais”).

Contudo, não é só isso. Há um fato grave, que acabou, de uma forma ou de outra, colaborando com a teoria da conspiração. E pior: veio de um dos astronautas da própria missão Apollo, que voou na Apollo 14. Não “qualquer astronauta”, mas Alan Shepard, o primeiro americano a ir ao espaço, abordo da Freedom 7.

Alan Shepard pronto para o histórico voo da Freedom 7

Na Lua, Alan Shepard se tornou o primeiro homem a jogar golf fora da Terra. Da Wikipedia:

Na Lua, entrou para a história a sua frase quando, ao se tornar o primeiro jogador de golfe fora da Terra, descreveu a tacada com a bola viajando por “milhas, milhas e milhas”, pela superfície de baixa gravidade do satélite.

Em 1994 Alan Shepard publicou o livro Moon Shot: The Inside Story of America’s Race to the Moon, no qual é co-autor junto com 3 outras pessoas (incluindo o astronauta Deke Slayton, também da missão Apollo). Nesse livro, ele quis colocar uma foto de tal tacada. O problema? As únicas imagens existentes do momento eram péssimas. Como ele resolveu? Criou uma foto falsa, uma “reconstrução” do momento.

Vejam abaixo a imagem real e, em seguida, a foto falsa.

Foto verdadeira, retirada das filmagens da missão Apollo 14

Foto falsa, criada como “reconstrução da cena”, para o livro.

Criar essa foto falsa foi uma burrada sem tamanho. Tá certo que está dito no livro que esta foto “é apenas uma reconstrução do momento”, uma “simulação”, mas ainda assim esta imagem acabou servindo para alimentar a teoria da conspiração, o que é uma pena.

Conclusão

Acho que o mais curioso dessa história toda é a posição dos soviéticos: eles jamais contestaram que a NASA tenha conseguido levar seres humanos à Lua. E eles eram os principais interessados, afinal eram “o concorrente” da história. Eles poderiam ter desmoralizado os americanos facilmente, afinal, teriam como saber até se os sinais de TV e rádio vinham mesmo da Lua ou não. No entanto… Se calaram e reconheceram a derrota.

Assim, analisando tudo, acho que temos evidências mais que suficientes para afirmar: sim, o homem foi à Lua. Não apenas uma vez, mas várias, alunando 6 dessas vezes. Em cada alunagem tínhamos dois homens, portanto 12 homens caminharam em solo lunar.

Apenas para reforçar isto, coloco aqui a melhor das fotos da LRO, em minha opinião, que mostra parte do módulo lunar da Apollo 14.

Essa história toda, no fim, não passa de jogo de luz e sombra, antiamericanismo por parte de alguns, vontade de derrubar a ciência para não ver suas crenças derrubadas por parte de outros, etc.

“A ciência está aberta à crítica, que é o oposto da religião. A ciência implora para que você prove que ela está errada — que é todo o conceito — enquanto a religião o condena se você tentar provar que ela está errada. Ela te diz aceite com fé e cale a boca.”

– Jason Stock

Ainda assim teorias como essa são muito interessantes e devem continuar sendo levantadas (desde que não sejam levadas como fé).  Afinal, a ciência não é algo pronto e acabado, com a qual todos tenhamos de trabalhar. Ao contrário, ela é um processo constante, que está sempre se ajustando (se auto-corrigindo) e melhorando, à medida que o tempo passa.

“Existem muitas hipóteses na ciência que são erradas. Isso é perfeitamente correto; elas são a abertura para descobrir o que é certo. A ciência é um processo auto-corretivo. Para serem aceitas, novas idéias devem sobreviver aos mais rigorosos padrões de evidência e escrutínio.”

– Carl Sagan

De toda forma, eu ainda gostaria de ver algum país independente (“de fora da briga”) mandar uma sonda até lá para fotografar mais de perto tudo o que foi deixado lá. Não sei, talvez o Japão, a China ou a Índia (os dois últimos estão mais próximos disso). Assim, e só assim, o debate seria encerrado de vez, sem deixar margem alguma para dúvidas (se é que ainda existe alguma). Até lá, duvido muito que algo possa convencer estas pessoas.

“Não é possível convencer um crente de coisa alguma, pois suas crenças não se baseiam em evidências; baseiam-se numa profunda necessidade de acreditar.”

– Carl Sagan

Finalmente, minha intenção neste artigo não é convencer aqueles que acreditam na fraude, mas talvez ajudar a clarear as coisas para aqueles que estejam com dúvida. Esta sim, a dúvida, é plenamente saudável – mas apenas até o momento em que se apresentam evidências fortes o suficiente para que esta (a dúvida) seja esclarecida.

A "farsa" da ida do homem à Lua, 8.2 out of 10 based on 5 ratings

Autor(es):

Mário César

Sou formado em Engenharia de Software e QUASE em Ciência da Computação (não concluí). Pretendo, agora, fazer astronomia na USP assim que possível para, depois, me especializar em astrobiologia. Sou um apaixonado pela ciências em geral e gosto muito de investigar alegações extraordinárias (como a ufologia, por exemplo).

Todas as postagens do(a) autor(a)

36 Comments

  1. Otima reportagem!! Só para avisar o astronauta Charles Duke estará no Brasil em abril, durante o 4º Encontro Internacional de Astronomia em Campos RJ (http://daterraparaasestrelas.blogspot.com/2011/01/inscricoes-abertas-4-encontro.html)

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
    • Muito legal, cara! 😀

      Pena que possivelmente não terei como ir… 🙁

      Mas fica o aviso aí! E, assim que der, posto algo sobre isso colocando o seu link como referência! 😉

      Valeu!

      VN:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
  2. Um dos argumentos mais cretinos que já li foi o de que não se poderia tirar fotos pelas radiações do espaço.

    Curiosamente, já se tinha há décadas filmes que podiam fotografar até explosões nucleares, e mal sabem que as radiações no espaço são intensas, mas não interessam no “queimar” um filme, pois são intensas biologicamente falando, não para uma película fotográfica.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  3. Não acredito que foram a lua, depois de tanto tempo, porque não foram de novo? Conta outra.
    E o tamanho dos computadores? na época cabiam em duas salas.Hoje eles não conseguem chegar a lugar algum, porque só naquela época conseguiram? Hoje só dão voltas
    em roda da terra.
    NÃO ACREDITO

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +1 (from 1 vote)
    • A coisa é muito simples. 🙂

      Hoje teríamos tecnologia para ir até mesmo de forma mais confortável e segura. O problema é que não há interesse político e, não tendo interesse político, não há grana.

      E as viagens são BEM caras…

      Na época, tínhamos EUA e URSS, um querendo dar ‘um chute na bunda’ do outro. 😉

      VN:F [1.9.22_1171]
      Rating: +2 (from 2 votes)
    • ta ta … senta lá, cláudia

      VA:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
    • As pessoas parecem que não leem o texto inteiro antes de postar.

      VA:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
  4. Nossa… depois de um artigo deste, nego ainda tem a coragem de comentar que não acredita. Mas isto é compreensível, vindo de uma pessoa que não consegue imaginar sequer um único motivo para o homem não ter ido novamente à lua. A que ponto chega a ignorância humana…

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
    • O artigo não prova nada… A máscara deles ainda vai cair, mas vai demorar, porque há muito interesse em manter as pessoas acreditando nessa farsa. Outra farsa: os atentados de 11.9. Tudo maldade deles para aquecer sua economia, fazer guerras, que é o sabem fazer. Não vão à Lua hoje, porque não têm tecnologia. Se não têm essa tecnologia hoje, como poderiam ter há 40 anos atrás? O que aconteceu? que tecnologia é essa que regride? Todas as técnicas se desenvolvem, menos a de pousar na Lua. Não são capazes, sequer, de entrar em órbita da Lua. Se fossem, já teríamos satélites mapeando o solo lunar, como tantos que temos ao redor da Terra. Duvidar não é proibido, nem significa ser antiamericano, significa, apenas, procurar a verdade. Se bem que ser enganados como fomos, gera uma revolta, uma enorme indignação.

      VA:F [1.9.22_1171]
      Rating: +2 (from 2 votes)
      • Gilmar, a internet está aí cheia de informação pra quem quiser saber a verdade. Não há mais desculpa para a ignorância, para achismos infundados. Pesquise e uma hora você se dará conta da enorme besteira que escreveu.
        No entanto, vamos lá: já enviamos sondas para TODOS OS PLANETAS do sistema solar, e isto já há algumas décadas. Neste exato momento há uma sonda orbitando Mercúrio, tirando fotos em alta resolução, está sendo noticiado.
        Procure saber o contexto no qual ocorreu a ida do homem à lua. Milhares de pessoas estavam envolvidas no projeto, e o que estava em jogo não era brincadeira(guerra fria).

        VA:F [1.9.22_1171]
        Rating: 0 (from 0 votes)
        • Enviar sondas ao espaço (que, aliás, não retornam) não equivale a enviar e retornar missões tripuladas à Lua. A tecnologia deles só chega até aí – sondas. Não há evidências de pouso na Lua. As fotos, as filmagens, todas elas inconsistentes, não provam nada. Confiar nisso é uma tremenda idiotice. Não se trata de acreditar por acreditar, como insistem os crentes das missões Apollo. São evidências lógicas, objetivas. Não é concebível terem ido 6 vezes em apens 3 anos e não terem retornado em 40, a menos que a tecnologia tenha regredido – isso sim um absurdo.

          VA:F [1.9.22_1171]
          Rating: 0 (from 0 votes)
          • Você só está se esquecendo de alguns detalhes.

            1 – A ida à Lua foi aproveitada para a ciência, não foi este o objetivo americano. Era dar um chute na bunda dos russos, o que conseguiram.

            2 – Uma vez o chute dado, uma vez os russos desistido e ficado só na órbita baixa da Terra… Pra que continuar?

            3 – As viagens à Lua foram EXTREMAMENTE caras. Como disse Neil deGrasse Tyson num tweet quando Obama anunciou a morte do Bin Laden, “dois objetivos americanos levaram mais de uma década e de 1 trilhão de dólares: ir à Lua e matar Bin Laden”.

            4 – Os astronautas foram até lá e NÃO ENCONTRARAM DEUS. Os fundamentalistas não gostaram nem um pouco e, por tanto, não queriam que fossem mais.

            Devido ao 4, aliás, é que a NASA tem cada vez menos grana. Devido ao lobby criacionista, que PAGA os congressistas para aplicarem em guerras, mas não em ciência.

            Quanto às fotos, ao espelho refletor de lasers que tem lá, ao EQUIPAMENTO QUE FICOU LÁ, etc… São toneladas de evidências. Isso sem falar nas toneladas de evidências que trouxeram de lá: rochas lunares.

            Enfim…

            VN:F [1.9.22_1171]
            Rating: +1 (from 1 vote)
      • Sobre o 11.9 você esta certo e tai o filme Zeitgeist pra provar pra quem quiser.
        “Se fossem, já teríamos satélites mapeando o solo lunar”. Meu caro amigo, você já ouviu falar no Google Earth? DUVIDO!!!
        Baixe este aplicativo, instale e quando abrir aponte pra lua.
        La você terá não só o mapeamento da lua como o de Marte e o mapeamento do Céu.
        É como eu li num Email “Cristão” que eu recebi: “Precisamos vigiar mais, pois até a Bíblia diz que o povo de Deus perece por falta de conhecimento.”

        ESSE POVO CARECE E MUITO DE CONHECIMENTO.

        VA:F [1.9.22_1171]
        Rating: 0 (from 0 votes)
        • O Google Earth? Ora, o nome já diz: Google Terra! Este instrumento está aqui, na Terra, não na Lua! Pay atention, please! Reitero: não há satélites orbitando a Lua, não há tecnologia, ainda, pra fazer isso. Vc se lembra da sonda LCross, enviada no final de 2009? O que ela fez? Pousou na Lua? Não. Não pousou, espatifou-se. Nenhuma, nenhumazinha, sonda enviada até hoje conseguiu esse feito. Quando entram na órbita são atraídas pela força gravitacional e caem, não pousam. Mas registram imagens antes do impacto. É o que fazem. Isso mostra que não há, por enquanto, tecnologia para fazer pouso. As missõe tripuladas jamais chegaram perto sequer, da Lua. Na realidade, sempre ficaram na órbita da Terra, da qual jamais saíram, dando voltas. É o que fazem até hoje. A propósito: se houvesse mesmo um “Google Moon”, por que não registraria os tais objetos deixados lá? Faço essas reflexões apenas por amor à verdade, não para conspirar. Se vc não viu ainda, veja, no mesmo Google, os vídeos da Fox Television, em que o Bill Kaysing e outros denunciam que a ida à Lua não passa de um embuste, uma farsa. Tudo propaganda. Tudo falso. Veja.

          VA:F [1.9.22_1171]
          Rating: 0 (from 0 votes)
          • Meu amigo!
            Você sabe o que é um satélite Geoestacionário? Sabe as contas que têm que ser feitas? os dados que têm que ser levados em consideração? Eu faço fisica bacharelado e no livro de Stewart Calculo I ele ensina a fazer as “contas” do arco-iris cara é coisa de loko. E os caras colocam satelites geoestacionarios como se fossem o Tiger Wood encaçapando uma bolinha d golf.
            Faça um sacrificil e me responda:
            O que seria mais dificil por um satelite na lua ou em marte?
            Veja essa imagem: http://nssdc.gsfc.nasa.gov/image/spacecraft/viking_lander_model.jpg

            VA:F [1.9.22_1171]
            Rating: 0 (from 0 votes)
  5. O homem não volta à lua porque não há mais nada para fazer lá naquele lugar deserto. Não vale a pena gartar bilhões e por em risco a vida de astronautas emuma missão que hoje em dia é totalmente desnecessária.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  6. O homem não volta à lua porque não há mais nada para fazer lá naquele lugar deserto. Não vale a pena gastar bilhões e por em risco a vida de astronautas em uma missão que hoje em dia é totalmente desnecessária.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
    • Não é bem assim, Suzana. Há MUITA coisa que pode-se fazer lá em cima. Entre elas, fazer ciência: continuar estudando a Lua em si, o que acontece com o corpo humano ao passar longos períodos ali (hoje estudam apenas na micro gravidade, com a ISS), etc… Isso sem falar nos chamados “fenômenos lunares transitórios”, que ainda não temos NEM IDEIA do que sejam.

      Outra coisa que pode ser feita lá é mineração, principalmente de H3 (Hélio 3). Que é o melhor combustível que conhecemos pra fazer fusão nuclear (nada a ver com as bombas nucleares ou com o que é feito em usinas nucleares, a fusão é algo que tem MUITO menos riscos),

      Outra coisa e que não vai demorar muito pra começar é turismo espacial. Já existem planos pra se criar uma nave para levar turistas até a Lua.

      E por aí vai…

      VN:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
  7. Bem, o que posso dizer, que o homem tem sim capacidade de ir a Lua, mas também tem igual capacidade e cara lavada para inventar mentiras e tirar vantagens, principalmente quando percebe ingenuidade nos outros, quando se trata de governos ou religiões as coisas ficam piores ainda.
    A informação de que o homem NÃO foi a Lua tem embasamentos firmes e no minimo respeitáveis, percebo que não há maldade alguma dessas pessoas, são observações inteligentes que devem ser respondidas pela Nasa,
    caso contrário elas vão ser perseguidas igual Galileu que alegavam que a terra erra redonda e não reta e a Igreja queria mata-lo, ou Einstien que no principio era ridicularizado por suas teorias.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
    • Acontece, Branko, que o homem foi sim à Lua. Dizer que não é fechar os olhos pras toneladas de evidências existentes.

      Além disto, a “base” para a afirmação de que o homem não teria ido à Lua são a religião, a teoria da conspiração e a ignorância (por ignorar todas as evidências – incluindo aquelas que coloquei em meu texto).

      Acho sim que as pessoas merecem ter suas dúvidas tiradas. O problema é que a maior parte não tem dúvidas: têm certezas pré-concebidas. E querem apenas isto mesmo: acreditar por acreditar.

      Abraço.

      VN:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
      • Entendo Mario, mas por exemplo, todos sabemos que o céu tem estrelas, nas fotos da Nasa não há estrelas na Lua, onde se supõe que a iluminação seria maior devido não ter atmosfera, sem contar que só dá para observar a Terra e numa foto a Terra apresenta gigante e na outra pequena, a NASA não respondeu isso, pelo menos não que eu saiba, e outros detalhes, nada haver com religião, então lhe pergunto, essas dúvidas são bobas?

        VA:F [1.9.22_1171]
        Rating: 0 (from 0 votes)
        • Branko, já tentou tirar fotos do céu noturno, ou procurou informações sobre como fazer isto? Já leu sobre o RegiStax?

          Então procure. Porque a coisa não é tão fácil e simples quanto você imagina.

          Sobre fotos da Terra… Procure melhor. Há centenas de fotos da Terra tiradas de lá. O tamanho relativo da Terra vai depender também do zoom que eles usaram.

          Converse com um fotógrafo, ao menos, antes de falar tanta bobagem. Antes de ter certezas bobas, ao invés da dúvida sadia. Pois é isto o que você apresenta: certezas.

          A NASA não tem que responder coisa algum também. O papel dela não é este, de ficar se justificando o tempo todo. O papel da NASA é fazer pesquisa científica séria, procurando desmistificar os “mistérios” do universo, descobrir respostas novas, etc.

          Este papel, de correr atrás, é daqueles que quiserem saber sobre o tema.

          Agora… Se você quiser saber de uma verdadeira fraude envolvendo a Lua, pesquise pela fraude russa. 😉

          Abraço!

          VN:F [1.9.22_1171]
          Rating: 0 (from 2 votes)
  8. detalhe…

    se fosse tudo falso, a propria urss é quem iria desbancar tudo e não meia duzia de conspiracionistas…

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +1 (from 1 vote)
    • É falso sim. Mesmo esse argumento, embora plausível, não garante a veracidade das missõe tripuladas à Lua. E por que? Primeiro, quem garante que a URSS não denunciaria a farsa? Será que os russos seriam ouvidos? A nossa imprensa, vendida que é aos interesses econômicos americanos, estaria disposta a divulgar as denúncias. Duvido. E até hoje não está. Insiste em simplesmente afirmar a ida à Lua. Muito raramente se aventa a discutir as inconsistências apontadas por quem duvida. Outra coisa: a URSS tb poderia ter acreditado, logo, não teria motivo para denunciar. E ainda, é provável que tenha feito acordos para não fazer isso. Por que? Porque certamente havia, e ainda há, cooperação nas missões espaciais. Não estão empenhados, juntos, na construção da estação espacial internacional?

      VA:F [1.9.22_1171]
      Rating: -1 (from 1 vote)
  9. Gilmar, você esta desinformado!..só isso!

    VN:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
    • Não basta dizer que estou desinformado, é preciso mostrar PORQUE estou desinformado. Vcs não mostram. Não têm argumentos convincentes. Os meus argumentos se baseiam na análise daqueles que se deram o trabalho de examinar as imagens da suposta missão à Lua, que mostram como foram forjadas, simplesmente para enganar a população mundial. Mas nem precisava tanto. A simples estória contada, de que foram 6 vezes em pouco mais de 3 anos e, passados 40 anos, limitarem-se a enviar sondas que não pousam nem retornam já seria suficiente para levantar a suspeita da fraude. Será que é tão difícil entender isso?

      VA:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
  10. Somente um motivo demonstra a farsada NASA.
    Quem acredita q foi o homem foi a lua entao me diga porque a NASA perdeu todos os videos orignais, dizendo q usou as fitas cacetes originais para contenção de despesas!!!! hahahaha, depois dessa nao sei como alguem pode ainda acreditar!
    Obs. importante: todos os videos que vemos hoje sobre a “viagem” a lua foi gravada de uma TV em preto e branco q ficava longe das camaras, ou seja, tinha q gravar do monitor “enjanbrado” em um local distante. Q coisa bizarra!
    Será q se estrivessem fazendo uma grande descoberta, isso não seria um grande motivo de manter isso registrado da melhor maneira possivel…

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
    • Os vídeos originais já foram encontrados, caso não saiba.

      Atualize-se, pesquise.

      VN:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
      • Então porque não divulgam os vídeos originais com imagens coloridas e bem definidas, será q é medo de aparecer mais inconsistências?
        caso vc saiba de um site onde tem o videos originais por favor nos informe. hehehe

        VA:F [1.9.22_1171]
        Rating: 0 (from 0 votes)
        • As câmeras filmadoras que foram pra Lua eram exclusivamente branco e preto. Apenas câmeras fotográficas eram coloridas.

          Pra ciência, imagens em branco e preto são melhores para diversas análises.

          VN:F [1.9.22_1171]
          Rating: 0 (from 0 votes)
      • Acho que o Mário está enganado:
        “The researchers discovered that the tapes containing the raw unprocessed Apollo 11 SSTV signal were erased and reused by NASA in the early 1980s. It is claimed this was according to NASA’s procedures because they were facing a major data tape shortage at that time.”
        https://en.wikipedia.org/wiki/Apollo_11_missing_tapes

        VA:F [1.9.22_1171]
        Rating: 0 (from 0 votes)
  11. ok amigo, então pq nao divulgam videos de qualidade, será q estão tentando corrigir, acho q não, a NASA não deve ser tão inocente assim de achar q tem como esconder oq a maioria que se aprofundou no assunto já percebeu.
    E alem do mais, quantos filmes feitos em preto e branco q hoje são coloridos pela tecnologia atual, então porque não laçam esse filme? com certeza seria um sucesso absoluto e sucesso todo mundo gosta, será q só a NASA se recusa a ter sucesso com um vídeo espetacular com as imagens nítidas da lua?
    Tem uma pequena prova aqui neste link abaixo:
    http://www.telegraph.co.uk/science/space/6105902/Moon-rock-given-to-Holland-by-Neil-Armstrong-and-Buzz-Aldrin-is-fake.html

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
    • Procure assistir à série Grandes Missões da NASA, do Discovery Channel, e então você verá diversas destas imagens.

      Além disso, não há como melhorar o que foi filmado com câmeras de baixa qualidade das décadas de 60 e 70. Não levaram câmeras de cinema, com a “melhor qualidade possível”, devido ao PESO.

      O módulo de aterrissagem era praticamente puro papelão e folhas de alumínio, exatamente para economizar no peso. Ainda assim tiveram que usar o MAIOR foguete do mundo, o Saturno V, para poder colocar o equipamento na Lua.

      Sobre esta história da pedra, é uma fraude. NENHUM PEDAÇO das rochas vindas da Lua saíram da NASA. São a coisa mais valiosa que existe no mundo (devido ao próprio custo de levar o homem até lá, para que as pudessem trazer para a Terra), então JAMAIS foi dada a qualquer pessoa.

      Ainda assim, não seria surpreendente achar um pedaço de madeira petrificada na Lua. Já tivemos diversos impactos gigantescos na Terra (como aquele que matou os dinossauros), o que seria perfeitamente capaz de lançar uma pedra destas até a Lua (talvez até mais longe).

      VN:F [1.9.22_1171]
      Rating: 0 (from 0 votes)
  12. Na época da Apollo 11 a televisão era “preto-e-branco” e a válvula (que demorava para esquentar). Vocês acreditam que foram à Lua???….

    Nem a pau Juvenal.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  13. Nunca foi e nunca irá

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  14. Curiosamente, todas as fotografias tiradas pela LRO só à altitude de 50Km da Lua aos sítios onde, supostamente, alunaram as missões Apollo e onde se vêem o que, supostamente, lá foi deixado, entre sombras e alguns pontos brilhantes muitíssimo indefinidos e cheios de blur (névoa) comparadas com as fotografias da GeoEye-1 tiradas à Terra, que tem atmosfera e a Lua não, a uma altitude 14 vezes superior (aproximadamente 700Km) dizem tudo aquilo que eu e muitas mais pessoas pensam acerca das mesmas.
    Sabiam que as imagens da LRO são enviadas para a Terra em formato encriptado para que ninguém tenha acesso às mesmas antes de serem devidamente tratadas pela NASA e enviadas para a Arizona State University?
    Só para termo de comparação, aqui vão algumas fotografias tiradas a alguns lugares da Terra com o GeoEye-1:
    http://content.satimagingcorp.com/static/galleryimages/geoeye-1-dubai-airshow.jpg
    http://content.satimagingcorp.com/static/galleryimages/geoeye-1-minot-north-dakota.jpg
    http://content.satimagingcorp.com/static/galleryimages/geoeye-1-disneyland-tokyo-japan.jpg
    Verifiquem só a diferença de nitidez e qualidade das imagens em comparação com as da LRO…
    Na segunda e na terceira imagem distinguem-se perfeitamente bem os carros estacionados nos respectivos parques, os quais têm um tamanho semelhante ao tamanho da base do módulo lunar que é de aproximadamente 4m.
    Se o GeoEye-1 estivesse à altitude de 50Km que é a mesma a que a LRO se encontra da superfície da Lua, seria capaz de ver, perfeitamente bem, uma peça de fruta no chão da Terra.
    Não nos esqueçamos que a LRO é um projecto 100% feito pela NASA que é a instituição que tem os cérebros mais brilhantes a trabalhar nos seus projectos e, depois é isto, esta tristeza de imagens que não mostram nada de nada!!!

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)

Trackbacks/Pingbacks

  1. Livres Pensadores.org » Textos do Blog » A “farsa” da ida do homem a Lua II - [...] algum tempo, eu escrevi e publiquei aqui no LP o texto A “farsa” da ida do homem à Lua.…
  2. Dos conspiracionistas e seus derivados. Um mal inconveniente que infesta a internet II – Nihil Lemos - [...] foguete decolando tão perfeita do Cabo Canaveral). Refutações para essa gente não faltam. AQUI, AQUI, AQUI e outras dezenas…
  3. Dos conspiracionistas e seus derivados. Um mal inconveniente que infesta a internet II – Nihil Lemos.Net - [...] foguete decolando tão perfeita do Cabo Canaveral). Refutações para essa gente não faltam. AQUI, AQUI, AQUI e outras dezenas…
  4. PodPensar Episódio 5 – Divulgação Científica e sua Importância - [...] A “farsa” da ida do homem à Lua [...]

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

ChatClick here to chat!+