Puxa a cordinha, meu bem!

Posted by on maio 26, 2011 in Artigos, Crônicas | Comentários desativados em Puxa a cordinha, meu bem!

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.7/10 (7 votes cast)

Originalmente publicado no blog Extra-Oficialmente Brincando de Expressionista!. Partamos das suposições de que nossas percepções sensoriais SEJAM mesmo reais (palpáveis); de que não exista um Todo Poderoso que fica lá em cima comandando as folhas das árvores… e que teorias como a existência de um mundo material exterior à consciência não passam da negação existencialista que a humanidade alimenta há séculos! O fato é que nenhuma dessas suposições importam. Estamos tão acostumamos com a culpa que vivemos reprimindo-nos quanto àquela história de que ‘se a piada é do chefe dê risada’, ‘se a sogra é desagradável, agrade-a, afinal você transa na casa dela’, ‘se seu pai tem teorias chauvinistas, faça vista grossa, ele te patrocina’ e isso não é nada mais e nada menos que instinto de sobrevivência. best places to buy cigars online O que eu quero dizer é que mesmo que aquela história de ‘cada um por si’ seja verdade, continuamos sendo fantoches! Somos fantoches de nós mesmos. Por que não precisa existir um Deus pra você colocar a culpa por fazer sempre o que é conveniente, você sempre vai fazer e vai fazer porque quer fazer parte do sistema. *Minha conclusão – falso altruísmo já era, faça […]

Read More

ChatClick here to chat!+