Documentário – “Mamonas Assassinas Para Sempre, O Filme”

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.7/10 (3 votes cast)

60f2fa15bc2829637c5a56fb852fe3a63b221d7c

Mamonas Assassinas foi uma banda brasileira de rock cômico.

O som era uma mistura de punk rock com influências de gêneros populares. A carreira da banda durou 7 meses, discount  foi meteórico e estrondoso.

Com um único álbum de estúdio lançado em junho de 1995, page o grupo acarretou a venda de mais de 3 milhões de cópias no Brasil, sendo certificado com Disco de Diamante em 1995, comprovado pela ABPD.

Álbum este, que com letras bem-humoradas, como “Pelados em Santos”, “Robocop Gay”, “Vira-Vira”, “1406” e “Mundo Animal”, os levou ao sucesso. Porém, no auge de suas carreiras, os integrantes da banda foram vítimas de um acidente aéreo fatal.

Hoje completa 17 anos do acidente (infelizmente cai no aniversário do editor)


Mamonas Assassinas Para Sempre

O Filme

Parte única

 


 

 

11970932001393807721BenBois_Vinyl_records.svg.hi Discografia

1992: A Fórmula do Fenômeno
Álbum de Estúdio
1995: Mamonas Assassinas
Coletânea
1998: Atenção, Creuzebek: A Baixaria Continua
2011: Pelados em Santos
Álbum Ao Vivo
2006: Mamonas ao Vivo

video-camera
Videografia


1996: MTV na Estrada (relançado em DVD em 2004)
2002: Show Ao Vivo (Arquivo Familiar) CineArts
2008: Por Toda Minha Vida – Mamonas Assassinas
2009: Mamonas, o Doc
2011: Mamonas para sempre

livros
Bibliografia


1996: Mamonas Assassinas: Bla Bla Bla – A Biografia Autorizada
1996: O Último Voo – Investigação Sem Limites
1997: Pitchulinha – Minha Vida Com Dinho, Até que os Mamonas Nos Separem
1997: O Breve Voo de Longas Asas
2005: Mamonas Na Chaminé

trofeu

Prêmios


Troféu Xuxa Hits 1995
Prêmio SBT de Música 1995 – Revelação
Troféu Imprensa 1996 – Revelação do Ano 
Troféu Imprensa 1996 – Melhor Música 

 


 

 

mamonas-assassinas1Bônus

 

Gold-star-graphic Clipe “Pelados em Santos”

Parte única

 


 

Gold-star-graphicPrimeiro CD, lançado no ano de 1995. Completo.

Parte única

 


 

Gold-star-graphicShow ao vivo em Valinhos, ano de 1996.

Parte única

 


 

Gold-star-graphicMamonas Assassinas no programa “Domingão do Faustão”, ano de 1996.

Parte única

 


 

Gold-star-graphicDesabafo de Dinho.

Parte única

 


 

Gold-star-graphicMamonas no programa “Jô Onze e Meia”

Parte única

 


 

Gold-star-graphicMamonas no programa “Por Toda Minha Vida”

Parte única

 


 

Gold-star-graphicReportagem do Jornal Nacional sobre o acidente.

Parte única

 


 

Gold-star-graphicÚltima apresentação dos Mamonas na TV,  “Programa Livre”.

Parte 1

 

 

Gold-star-graphicÚltima apresentação dos Mamonas na TV,  “Programa Livre”.

Parte 2

 

 

Gold-star-graphicÚltima apresentação dos Mamonas na TV,  “Programa Livre”.

Parte 3

 


 

Documentário - "Mamonas Assassinas Para Sempre, O Filme", 9.7 out of 10 based on 3 ratings

Autor(es):

Gregori

Sou nato da cidade de Fortaleza no estado nordestino do Ceará, filho de pais professores, neto de imigrantes italianos e admirador do físico Albert Einstein, desde pequeno sonhava em ser cientista, incentivava os colegas ao mesmo, pesquisava teorias cientificas que explicassem o mundo que nos cerca, a gravidade, as moléculas, a energia, tudo me fascinava... Sempre muito curioso, "bulia" nos objetos a fim de descobrir como tais funcionavam (e quase sempre quebrava-os). Amante de computadores desde 1996, aprendi que essa ferramenta me oferecia oportunidades únicas de aprendizado, o primeiro contato com internet ocorreu em fevereiro de 1999 e guardo na lembrança esse momento, escutava os sons nada harmônicos da conexão 56kbps esperando pelo milagre da "janela colorida", como assim chamava a página de internet; nesse mesmo ano fiz primeira eucaristia no Colégio Santa Cecília, tradicional católico, onde estudava, boas e inesquecíveis lembranças; a eucaristia era quase uma obrigação familiar, saudoso avô (e padrinho) era católico fervoroso, contudo, meu interesse para tal era nulo e por consequência nunca decorei as "benditas" rezas, conclusão: a professora quase me reprovou! O tempo passou e sai desse colégio, indo para de ensino evangélico, onde a religião não era tão enraizada na mentalidade dos profissionais que ali trabalhavam, nesse ambiente fui líder de grupos e fiz parte do editorial do jornal da escola, e assim conheci principal habilidade: a criatividade, promovendo muito das exposições realizadas pela instituição, tive oportunidade de visitar emissoras de T.V. e jornais locais, finalizei o curso alguns anos depois; atualmente estudo Audiovisual e Novas Mídias na Unifor. Esportista radical, cineasta, escritor e poeta; enfim, aqui terão a oportunidade de melhor conhecer-me, um jovem que coleciona belas histórias.

Todas as postagens do(a) autor(a)

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

ChatClick here to chat!+