A Via Láctea de 100 bilhões de planetas

Posted by on ago 29, 2012 in Artigos, Ciência, Traduções | 2 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 7.0/10 (3 votes cast)

(Clique na imagem para ampliar.) Esta ilustração artística dá a impressão do quão comum são os planetas em torno das estrelas na Via Láctea. Os planetas, buy suas órbitas e suas estrelas hospedeiras estão todos muito ampliados em comparação com suas separações reais. Uma pesquisa de seis anos que pesquisou milhões de estrelas usando a técnica de microlentes concluiu que os planetas ao redor de estrelas são a regra e não a exceção. O número médio de planetas por estrela é maior do que um. Isto significa que provavelmente existem um mínimo de 1.500 planetas dentro do espaço de apenas 50 anos-luz da Terra. Os resultados são baseados em observações feitas ao longo de seis anos pela colaboração PLANET (Probing Lensing Anomalies NETwork  – Rede de Sondagem de Anomalias Lente Gravitacional), discount a qual foi fundada em 1995. O estudo concluiu que há muito mais planetas de tamanhos comparáveis ao da Terra do que mundos de tamanhos comparados ao de Júpiter. Isto é baseado na calibração de uma função de massa planetária que mostra que o número de planetas aumenta para mundos de massas inferiores. Uma estimativa grosseira a partir desta pesquisa aponta para a existência de mais de 10 […]

Read More

Escandinavos descrentes, mas não ateus

Posted by on set 28, 2011 in Artigos, Traduções | 2 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.5/10 (4 votes cast)

Fonte: The New York Times De: Peter Steinfels Tradução: Mário César Mancinelli de Araújo Phil Zuckerman passou 14 meses na Escandinávia, conversando com centenas de dinamarqueses e suecos sobre a religião. Não foi fácil. Qualquer um que prestou atenção sabe que a Dinamarca e a Suécia estão entre os países menos religiosos do mundo. Enquetes perguntando sobre a crença em Deus, a importância da religião na vida das pessoas, a crença na vida após a morte ou a freqüência à igreja consistentemente confirmam isto. Também é sabido que em vários rankings das nações sobre expectativa de vida, bem-estar infantil, alfabetização, escolaridade, igualdade econômica, nível de vida e competitividade, a Dinamarca e a Suécia estão no primeiro nível. Por mais bem documentado que isto seja, estes dois conjuntos de fatos vão de encontro a suposição de muitos americanos de que uma sociedade onde a religião é mínima seria, nas palavras de Zuckerman, o “excessivamente imoral, cheio de maldade e de depravação”. É por isso que ele insistiu por algum tempo que o que ele, sua esposa e filhos experimentaram foi o exato oposto: “Uma sociedade – marcadamente irreligiosa – que é, acima de tudo, moral, estável, humana e profundamente boa”. Zuckerman, […]

Read More

Por que o universo não pode ter surgido por acaso?

Posted by on jul 1, 2011 in Artigos, Ateísmo, Ceticismo, Ciência, Crônicas, Traduções | 7 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 7.0/10 (3 votes cast)

Autor: Jeronimo Freitas      Revisor: Leo Lauria       Fonte Parcial: Blame Hitchens, visit this Dawkins & Harris – Essays of a New Atheist O texto abaixo junta uma tradução que fiz do artigo A billion flushes in a row, rx publicado no livro Blame Hitchens, and Dawkins & Harris – Essays of a New Atheist, à minha própria opinião (baseada nas mais recentes teorias científicas) sobre a origem da vida, que pode ser estendida à origem do universo.   Vamos supor que um chimpanzé, digitando aleatoriamente em um teclado de computador, escrevesse a seguinte frase: “jesus loves apes” (Jesus ama os símios).   Qual seria a probabilidade de que ele escrevesse tal frase? A resposta é: uma chance em 79.77 sextilhões (1/79766443080000000000000). Nós certamente somos tentados a achar que, caso isso ocorresse, teríamos presenciado algum tipo de intervenção divina, posto que é algo que nos parece impossível de acontecer por mero acaso. Ademais, o fato de o chimpanzé escrever “jesus” sugeriria a interferência do senhor Jesus Cristo.   Vamos supor agora que o chimpanzé, ao invés de digitar aquilo, digitasse: “akbsj nq zzm utt”. Qual a probabilidade de ele escrever tal frase? A resposta é: uma chance em 79.77 sextilhões (1/79766443080000000000000). Novamente […]

Read More

ChatClick here to chat!+