Em que mundo você vive?

Posted by on mar 13, 2015 in Artigos, Filosofia | 1 comment

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 7.0/10 (6 votes cast)

A realidade é algo bastante subjetiva às percepções de cada um. O humor, symptoms as crenças, viagra o efeito de drogas, o estado de sobriedade ou embriaguez de cada um alteram essas percepções. Algumas pessoas, principalmente crianças, vivem num mundo de fantasias cheio de fadas, duendes, Papai Noel, entre outros. Isso para não falar na crença em todo um conjunto de deidades – ou mesmo em uma só. A questão é: como definir qual realidade é a verdadeira, já que cada uma delas é, ou ao menos parece ser, verdadeira para cada pessoa? A realidade está sujeita às escolhas que fazemos: ao menos parte daquilo que consideramos ser real (fatos, possibilidades, etc) é determinado por nossos sentidos e pelo conhecimento que adquirimos ao longo de nossas vidas. Assim, a construção de nossa realidade depende do que vamos aceitar como real, isto é, a realidade é construída pelo sujeito e não dada pronta para ser descoberta. Apenas como exemplo disso, vejamos o caso (ufológico) do Voo 169 da VASP. No dia 8 de fevereiro de 1982, um avião da VASP decolou de Fortaleza com mais de 100 passageiros, tendo como destino São Paulo, com escala no Rio de Janeiro. Depois de […]

Read More

Moral vs. Ética

Posted by on ago 14, 2013 in Artigos, Filosofia | 4 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.1/10 (16 votes cast)

Muitos confundem o que seria “moral” e o que seria “ética”, erectile mas há uma grande diferença entre ambas. Apenas para exemplificar essa diferença, adiposity algo pode ser moralmente correto para uma cultura, mas ser eticamente errado; ou ser moralmente errado para aquela cultura, mas ser eticamente correto. A coisa pode parecer um pouco confuso inicialmente, mas explicarei com mais detalhes. A moral, ou moral tradicional, é aquilo que um povo acha correto ou errado. Ela é extremamente dependente da cultura do povo e tudo o que ela traz junto: religião e crenças em geral; a arte; os costumes e hábitos; entre outros. Assim, além da moral tradicional ser parte das tradições de um povo, ela também é influenciada por todas as demais tradições e é extremamente dogmática.  “[Cultura é] aquele todo complexo que inclui o conhecimento, as crenças, a arte, a moral, a lei, os costumes e todos os outros hábitos e capacidades adquiridos pelo homem como membro da sociedade.” – Edward Tylor Assim, por exemplo, um ato completamente antiético, como apedrejar até a morte uma mulher apenas por ter traído o marido, pode ser visto como “moralmente correto” por determinadas culturas (como no caso do islamismo mais radical, […]

Read More

A realidade e as crenças

Posted by on jul 10, 2013 in Artigos, Ateísmo, Filosofia | 3 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 10.0/10 (2 votes cast)

As pessoas acreditam em todo tipo de coisa. Deuses, viagra buy fantasmas, hospital duendes, fadas, visitação extraterrestre… Muitos parecem mesmo viver divididos entre uma “realidade fantástica” e a nossa. Mas, claro, isto não acontece. A verdade é que tais pessoas formam uma “bolha protetora”, formada puramente de fantasias. Mas por que isso acontece? A realidade, se bem analisada, é bastante simples. Não falo de toda a física, quântica ou clássica, da química e tudo mais, mas de como o “mundo humano”, digamos assim, funciona. Falo daquilo de que somos capazes ou não; daquilo que controlamos ou não; e, principalmente, das interações humanas com os demais humanos (isto é, de como nos comportamos nas diversas situações que encontramos) e com o meio-ambiente. Em situações de perigo, o que fala mais alto é nosso instinto de autopreservação e de preservação da espécie. Por isso fugimos, tentamos nos esconder/proteger, ou mesmo tentamos salvar outros, cometendo atos que são normalmente considerados heroicos, quando face a face com o perigo. Algo parecido ocorre em situações de desastres, nas quais a fome e o desespero dominam, como quando o Furacão Katrina atingiu New Orleans. Em casos assim, toda a nossa civilidade e racionalidade fica de lado […]

Read More

A Breve História da Descrença – da BBC

Posted by on out 13, 2012 in Documentários, Religiosos/Ateístas | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 10.0/10 (1 vote cast)

Sobre a série: Documentário dividido em 3 episódios produzido pela BBC, escrito e apresentado por Jonathan Miller. Nessa serie ele nos mostra os primeiros ateus e pensadores, que mesmo muitos pagando com suas próprias vidas, ousaram não acreditar em deus e dizer por quê. O que esses brilhantes e corajosos descrentes enfrentaram não foi à ira divina, mas sim os imperadores, reis, ditadores, líderes religiosos e suas igrejas, que temiam suas idéias, pois elas poderiam ser perigosas, para eles se manterem no poder. Atualmente em países democráticos as pessoas podem manifestar suas opiniões céticas a respeito de mitos, lendas e histórias sobrenaturais como as religiosas, sem sentirem as chamas ardentes da inquisição… Mas essas idéias libertadoras podem continuar sendo perigosas para os que ainda tiram proveito das crenças alheias, para os fanáticos religiosos, ou os que acreditam por inércia e cultura. Em pleno século 21 temos que enfrentar as conseqüências da Fé religiosa, e garantir que a liberdade, avanços, direitos e conquistas que todos desfrutamos na democracia secular, não nos sejam negados como no passado de ignorância, onde: “A voz de deus é que era obrigatoriamente a voz do povo”. Agora quem decide são os cidadãos, os eleitores e não […]

Read More

AntiFé 53 – Ufologia rodeadas de mentiras

Posted by on set 7, 2012 in Anti Fé, Colunas | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 10.0/10 (2 votes cast)

É sempre a mesma especulação… Imagens distorcidas, visit web filmagens ruins, fraudes em edições de vídeo. Muita especulação e TERRORISMO para pouca coisa prática. Entenda a velocidade da luz, as distâncias entre os Planetas, o que é necessário para que haja VIDA. Sem especulações, a mesma distância que as vezes tememos, é a mesma que nos protege! DOCUMENTÁRIO AO FUNDO, VIAGEM AOS LIMITES DO UNIVERSO http://www.youtube.com/watch?v=jaHGvcE6KEA Contato: Twiter: @CanalAntiFe Facebook: https://www.facebook.com/AntiFe E-Mail: antifeh@hotmail.com Formspring: http://www.formspring.me/Antifeh Parceiros: http://tropalanternaverde.blogspot.com http://hipocrisiaoff.blogspot.com http://livrespensadores.net/ http://sociedaderacionalista.org/ Canal CanalAntiFe do Youtube.

Read More

A Ira de “Deus”!

Posted by on set 6, 2012 in Artigos, Ateísmo, Leitores | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 10.0/10 (1 vote cast)

Artigo submetido por um leitor do Livres Pensadores. (Originalmente postado na página do N.A.S.P. – Núcleo Ateísta de São Paulo – no Facebook, story neste link. Pode ser compartilhado livremente.) Como ser gregário, healing o homem se uniu em torno de necessidades básicas, em primeiro lugar: sobrevivência e procriação. Depois, em torno de coisas comuns, como ter ou não o fogo, cultivar ou não determinadas plantas, caçar ou não determinados animais. Ter ou não ter determinadas habilidades etc. Na sociedade mais evoluída, as ideias passaram a ser o fator de união: crenças, costumes, cultos. Assim nasceu a religião. Como elemento mágico e como elemento de união entre indivíduos e de divisão entre tribos e nações. Creio que, no início, cada clã tinha o seu deus, mas novamente o gregarismo apontou para a fusão de deuses até chegar ao monoteísmo, um conceito altamente sofisticado, mas de tremenda força de exclusão. Ou se acredita no deus único ou está fora da criação. E os exilados arderão para sempre na ira desse deus. Assim, religiões monoteístas autoritárias suplantaram e destruíram o politeísmo democrático, embora tão embrutecedor quanto o primeiro. Artigo submetido por um leitor do Livres Pensadores.

Read More

Máquina Fantástica: O Cérebro Humano

Posted by on set 5, 2012 in Artigos, Ateísmo, Ciência, Leitores | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 7.5/10 (2 votes cast)

Artigo submetido por um leitor do Livres Pensadores. (Originalmente postado na página do N.A.S.P. – Núcleo Ateísta de São Paulo – no Facebook, ask neste link. Pode ser compartilhado livremente.) Nenhum deus substitui a grandeza do homem. No entanto, more about essa grandeza refere-se muito mais à capacidade do homem de criar, case raciocinar e modificar a natureza do que, propriamente, à sua história. Há ainda muito do animal predador no inconsciente humano. Matar ainda é algo normal, para os homens. As crenças deístas apenas acentuam esse lado monstruoso do homem e fazem que ele desculpe seus atos com a vida após a morte ou o perdão de um deus carniceiro. A história humana está repleta de massacres e mortes inúteis, o que torna essa trajetória uma estrada sangrenta de assassínios e violência. E esse morticínio não tende a ter um fim, no curto prazo. Há um longo caminho a ser percorrido, antes que, finalmente liberto das influências deístas, o homem possa tomar consciência do valor real da vida. E do corpo, onde reside a máquina mais fantástica da natureza: o cérebro humano. Essa maravilha, cujos mistérios ainda vamos levar anos para desvendar, constitui o que de mais precioso existe […]

Read More

O Respeito

Posted by on set 4, 2012 in Artigos, Ateísmo, Leitores | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.3/10 (3 votes cast)

Artigo submetido por um leitor do Livres Pensadores. (Originalmente postado na página do N.A.S.P. – Núcleo Ateísta de São Paulo – no Facebook, case neste link. Pode ser compartilhado livremente.) Já disse e repito: não há absolutamente nada para se colocar no lugar do deísmo. Ou seja, purchase não acreditar em deus ou deuses, em metafísicas e transcendências não implica buscar novas formas de crenças, de fé ou de metafísicas. No entanto, não há desespero ou pessimismo no pensamento ateu. Pessimismos e desesperos são condições do homem, além de quaisquer crenças filosóficas e são atinentes a estados mentais, a situações de vida, a condições químicas do cérebro e, até mesmo, dos demais órgãos de nosso corpo. Entretanto, não há pessimismo no pensamento ateu. Há apenas a liberdade. Não pensar em deus, não cultuar doutrinas baseadas apenas na fé, não aceitar a metafísica, tudo isso é libertar a mente para aceitar as leis da natureza, é voltar o pensamento para o homem e criar uma nova forma de humanismo, em que o homem passa a ser, efetivamente, o centro de suas próprias preocupações, sem que isso o leve ao egocentrismo, à arrogância de pensar que é criatura e, portanto, pode fazer […]

Read More

O que será do ateísmo quando as religiões desaparecerem?

Posted by on jun 20, 2012 in Artigos, Ateísmo | 2 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 10.0/10 (1 vote cast)

Como todos devem saber (ou não, price não sei) as religiões deverão desaparecer em 9 dos países mais desenvolvidos do mundo até 2050. Em todo o mundo isto deverá demorar ainda mais, afinal tudo depende de quanto os governos aplicam em educação – mas, ainda assim, isto deverá acontecer, leve mais ou menos tempo. Então, digamos que as religiões desapareçam, no mundo todo, em 500 anos. O que acontecerá com o ateísmo? Será que ele também desaparecerá? Afinal, “ser ateu” nada mais é do que ter uma posição de oposição ao statu quo, isto é, uma posição de não crença e de não religiosidade (isto é, de não seguir religiões). É exatamente por este motivo que muitos dizem que o ateísmo simplesmente deixaria de existir, afinal “todos seriam ateus”. Mas seriam mesmo? Pergunto, pois estes se esquecem que “fim das religiões” não é o mesmo que “fim das crenças infundadas”. É verdade, são exatamente este tipo de crença que sustenta as religiões, mas elas também sustentam visões filosóficas como aquelas que tiveram Voltaire e Einstein: falo do deísmo e do panteísmo. (Apesar de eu considerar, ambas, mais visões filosóficas do que crenças, mas não importa no momento.) Eu, como cético […]

Read More

Algo de errado na tolerância

Posted by on mar 9, 2012 in Artigos, Humor | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.5/10 (2 votes cast)

Muitas pessoas, website like this inclusive alguns ateus, pregam que devemos tolerar a religião. Alguns ateus chegam ao ponto de pregar a tolerância sem limites. Mas… Será mesmo que devemos aplicar isto? Tolerar (e respeitar) pessoas, concordo, está perfeito. Mas religiões ou mesmo crenças? Isto faz algum sentido? Lembrem-se: muitos nazistas fizeram o que fizeram por uma crença quase religiosa no nazismo (e o plano de Hitler era realmente transformar o nazismo numa religião). Deveríamos tolerar isto também? Isto sem falar das crenças, ou mesmo opiniões, que não passam de ideias. “Idéias não foram feitas para serem ‘respeitadas’. Idéias foram feitas para serem debatidas, questionadas, copiadas, circuladas, disseminadas, combatidas e defendidas, parodiadas e criticadas. De preferência com argumentos.” — Idelber Avelar E… Tolerância sem limites? Devemos mesmo tolerar tudo? Isto não transformaria a tolerância, em si, em mais um dogma, mesmo que dogma ideológico? Pois é, eu acho que sim. Se dogmas, todos eles, já foram extremamente prejudiciais no passado, porque este em particular poderia ser vantajoso?

Read More

A Escravidão da Mente

Posted by on mar 6, 2012 in Artigos | 1 comment

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 7.8/10 (5 votes cast)

Autor: Jeronimo Freitas Num passado recente, cure escravizar pessoas era uma prática considerada normal. Qualquer pessoa livre, this que tivesse condições financeiras para comprar e manter escravos, approved estaria autorizada a possuí-los. Os escravos eram considerados um bem, uma posse, uma mercadoria que agregava valor a uma propriedade. Por isso era perfeitamente normal querer tê-los. Quanto mais escravos um senhor possuísse, mais respeitado, admirado e invejado ele seria. Por milhares de anos, escravizar seres humanos foi uma tradição incentivada e passada de pai para filho. Foi a visão vanguardista de uns poucos que mudou esse paradigma. Foi necessário muito tempo, trabalho duro, disputas e mortes, para quebrar a tradição que se perpetuara desde os tempos bíblicos. Não me é difícil imaginar o teor crítico e indignado das conversas dos senhores escravocratas por ocasião do florescimento do movimento de libertação.  Posso imagina-los indagando como alguém poderia querer por fim a uma tradição tão natural e até mesmo abençoada por Deus nas escrituras. Entretanto o tempo mostrou que a prática da escravidão, embora ensinada e recomendada mesmo na Bíblia, não  se sustentava por argumentos que justificassem tamanha crueldade e também que uma pequena minoria de pensadores, em avanço ao seu próprio tempo, […]

Read More

AntiFé 38 – Ateísmo, atitudes, mão na massa!

Posted by on jan 28, 2012 in Anti Fé, Colunas | 1 comment

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.8/10 (4 votes cast)

É muito comodo falar mal do ateísmo e sentar em uma igreja, price orar, ambulance rezar, sale doar 10% e achar que está fazendo muita coisa não é? O pensamento crítico nos faz entender que não há milagres, não há algo divino, tudo depende de você, procure ser o melhor que você possa ser! Rezar não adianta, são apenas falsas promessas! Twitter: http://twitter.com/CanalAntiFe Facebook: https://www.facebook.com/AntiFe Parceiros: www.hipocrisiaoff.blogspot.com www.tropalanternaverde.blogspot.com www.ateismopelomundo.blogspot.com Canal CanalAntiFe do Youtube.

Read More

AntiFé 36 – Argumentos religiosos não tem profundidade

Posted by on jan 26, 2012 in Anti Fé, Colunas | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.5/10 (2 votes cast)

Filosofia é importante? Sim!!! Mas os braços que permanecem na filosofia abstrata, pill na filosofia pura e simples somente no pensamento, permanecem em pensamentos subjetivos, por esta razão que não apresentam PROFUNDIDADE! Não há provas. Não há motivos. Não há afirmações. Não há razões. Apenas o belíssimo pensamento de “se eu acredito, é porque existe” e o fato de alguém ter te ensinado isso. Assim é com todos os deuses e religiões. Acha que existem motivos RACIONAIS para acreditar em DEUS??? Assista: http://www.youtube.com/watch?v=geP6BQd-N_k Não entende porque critico a religião??? Assista: http://www.youtube.com/watch?v=Rak3srTJrKc AntiFé 35 – É tanta canalhice contra a sociedade! http://www.youtube.com/watch?v=FGfJYjPbDK4 Parceiros: http://tropalanternaverde.blogspot.com/ http://hipocrisiaoff.blogspot.com/ Canal CanalAntiFe do Youtube.

Read More

AntiFé 35 – É tanta canalhice contra a sociedade!!

Posted by on jan 25, 2012 in Anti Fé, Colunas | 0 comments

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.5/10 (2 votes cast)

Me indicaram pra corrente você sabe cantar… gastei umas 2 semanas pra fazer essa música Achei q fosse mais fácil… mas acho q ficou boa! JÁ CHEGA DE CANALHICE! É tanta canalhice contra na sociedade… Banqueiros e magnatas ajudando a ladroagem Pilham o tesouro e fodem o erário… Temos picaretas que nos fazem de otário E a nação é enganada pela corja de ladrões… Prometem maravilhas antes das eleições Mensalão em todo canto, approved e a gatunagem é geral… E assim falta dinheiro pra verba de hospital São nossos empregados e se posam de patrões… Aumentam o salário dos próprios tubarões…. Justificam os impostos e financiam suas mansões… Não vemos eficácia nas ditas comissões! Então já chega!! Já chega de pagar, tá na hora de aprender, já chega de aguentar tanto lixo no poder! SE a justiça é conivente, e finge não vê, que o câncer do páis está por tras desse poder! Eu vou dizer, Já não aguento mais tanta corrupção… Se eu vejo um político eu já xingo de ladrão Chega de impunidade suborno e concussão… Bandidos desonestos em palácio e avião São os políticos que acabam com nosso país, votam nossas leis, nos fazem infeliz Roubam seu […]

Read More

AntiFé 34 – O Estado laico é diferente do Estado ATEU

Posted by on jan 24, 2012 in Anti Fé, Colunas | 1 comment

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.0/10 (2 votes cast)

Regimes ateus mataram milhões de pessoas? Será mesmo? DEC de 50 cerca de 96% da pop mundial era “religiosa”; se na REV RUSSA fossem mortas as pessoas religiosas, troche tería o regime matado cerca de 100 milhões de russos?? A caça era em relação a opositores políticos e exploradores da classe operária, store a igreja ortodoxa que detinha influência de grande parte de capital ligado a nobreza foi contra a revolução, obviamente, foram cortadas tais cabeças, perseguição politica, que ERRONEAMENTE é vinculada a perseguição religiosa! ———————————————- Entendam que neste vídeo eu não estou fazendo 1 documentário sobre as CRUZADAS, JESUITAS, MISSÕES! Não preciso explicar cada detalhe e as motivações de cada coisa se você conseguir compreender que: A IGREJA ESTAVA LIGADA AO ESTADO A IGREJA MOTIVAVA AS PESSOAS PELOS DESEJOS DIVINOS QUE A IGREJA ERA DETENTORA DA MAIORIA DAS RIQUEZAS MUNDIAIS. Logo, suas atitudes sempre permaneciam respaldadas por seus interesses de poder. Jesuitas (BRASIL) não escravizavam índios?? Não, mas permitiam que estes fossem escravizados por mais de 4 séculos, sem contar a exploração de países “cristãos” em outras colônias. As cruzadas queriam manter a rota com o oriente? Sim, e para conseguir soldados usava das vontades divinas, se perdesse a […]

Read More

Página 1 de 212
ChatClick here to chat!+